Frase da Semana:

Seu Portal de Informação Sobre Educação!

“Não basta ser apenas professor, é preciso ser mestre na arte de ensinar". (Autor Desconhecido)

quarta-feira, 18 de outubro de 2017

3ª Rodada da IV Copa de Futsal Talentos da Serra


A ACAYU/EEPJA realizou ontem a 3ª rodada da IV CFTS, onde tivemos dois jogos equilibrados, diferente das goleadas nas rodadas anteriores.

Sport Club 4 x 3 Rio Grande do Norte

Sport Club
O Rio Grande do Norte de Fábio Mateus enfrentou o Sport Club formado pelos atletas da Vila Rio de Janeiro, onde tivemos uma partida bem disputada com a vitória do Sport Club por 4x3. Os gols da equipe vitoriosa foram3 de D. Jota e um de Murilo Souza. Já os gols da equipe riograndense foram 2 de Orlando Neto e um de Fábio Mateus.

Rio Grande do Norte
Mulekes da Vila 1x1 Golden Boys

Mulekes da Vila
Os Mulekes da Vila x Golden Boys fizeram a segunda partida da rodada. Também foi uma partida bem disputada em todos os lances e terminou a partida empatada de 1x1x. Italo Menezes marcou pelo Mulekes da Vila e Alisson Moura balançou a rede pelo Golden Boys.

Golden Boys
Hoje teremos a 4ª rodada da IV CFTS - as 19:20 h, Top Seven enfrenta Schalif FC e as 20:10 h Paraná x Minas Gerais. 

A organização do campeonato convida a galera que valoriza o esporte para assistir o show de futsal que os atletas estão dando na IV Copinha de Futsal Talentos da Serra.

Patrocinador Oficial
Posto MM Soares

Apoiadores
Ligeirinho Distribuidora
New Point
Livraria Independência
Dinâmica Sports
Stamp Camisetas

Realização
ACAYU
EEPJA

Colaboradores Voluntários
Edna Moreno
Jeferson Costa
Jeferson Emanuel 
Renan Potiguar

Ideologia de Gênero

terça-feira, 17 de outubro de 2017

Alunos apresentam adaptações de obras literárias no projeto CEI em Cena


Com o objetivo de realizar encenações de grandes obras literárias acrescendo o repertório de conhecimento linguístico dos alunos por meio do teatro, as turmas do 2º Ano do Ensino Médio da escola CEI Romualdo Galvão dão início, na tarde desta terça-feira, 17, às apresentações do projeto “CEI em Cena”, coordenado pelo professor de Literatura, Marco Aurélio, e sob orientação da professora de Teatro, Ruth Freire, com texto adaptados pelos próprios alunos.
As exibições teatrais ocorrerão nesta terça, 17, e quarta, 18, a partir das 16h30, no Centro de Atividades Culturais do CEI Romualdo. Serão encenadas adaptações das obras: Dom Casmurro (Machado de Assis); Senhora e Lucíola (José de Alencar); Gabriela, Cravo e Canela, e Tieta do Agreste (Jorge Amado). As apresentações são abertas ao público em geral, a entrada é mediante doação de 1kg de alimento não perecível.
“Na concepção de uma escola que educa para o pensar, o CEI em Cena tem papel primordial para a formação do indivíduo e objetiva mostrar de que forma o teatro é capaz de contribuir com esse modelo de educação. Objetiva-se que, por meio desses projetos, os educandos sintam-se estimulados a olhar de outra maneira os componentes curriculares, deixando de vê-los apenas como um conjunto de informações e conhecimentos bem articulados, mas como construção do pensar que se efetiva na ação transformadora do novo homem no mundo novo”, explicou o professor Marco Aurélio.

Jornal O Mossoroense comemora 145 anos de fundação

Nesta terça-feira, 17 de outubro, o jornal O Mossoroense comemora 145 anos de fundação e de lançamento da 1ª edição.
Fundado em 17 de outubro de 1872, o O Mossoroense é o terceiro jornal mais antigo do Brasil e, por muito tempo, foi o único jornal da cidade de Mossoró.
Em homenagem à trajetória de 145 anos de informação a serviço da população, o Museu Histórico Lauro da Escóssia abriu nesta terça-feira exposição que conta a história do jornal O Mossoroense.
“O Museu mantém o acervo com todas as edições do jornal O Mossoroense, que prestou um importante serviço de registrar a história de Mossoró em suas páginas. Até hoje, muitos estudantes, professores, escritores e pesquisadores procuram o museu para consultar esses arquivos do jornal, a fim de saber de fatos ocorridos na cidade há décadas atrás. Por isso, diante da importância do jornal, resolvemos fazer essa exposição em celebração a esses 145 anos de história”, disse o diretor do Museu, Asclepius Cordeiro Saraiva.
 Jornal O Mossoroense completa 145 anos de fundação
Primeira edição do O Mossoroense está no Museu Lauro da Escóssia.

A exposição sobre o O Mossoroense contou com a visita do grupo Filhas de Jó, comitiva da Maçonaria dos Estados Unidos, além de membros da imprensa e da Rede Resistência de Comunicação, composta pelo jornal O Mossoroense e a rádio FM 93,7.
Durante a exposição, Asclepius Cordeiro conta ainda que o Museu está preparando parceria com a Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (Uern) para digitalizar o acervo com as edições impressas do O Mossoroense.
Ainda nesta terça-feira, a diretora do O Mossoroense, Maricélia Carlos, entregou ao Museu Histórico Lauro da Escóssia parte do acervo do jornal para integrar o patrimônio do museu, onde deve ficar disponível para toda a população.
 Jornal O Mossoroense completa 145 anos de fundação
O Mossoroense é fonte de pesquisa sobre a história de Mossoró.

Ao longo destes 145 anos, o jornal noticiou fatos que marcaram a história de Mossoró, do Rio Grande do Norte, do País, e do mundo, como o ataque do bando de Lampião a Mossoró, em 1927, além da exclusiva entrevista com o cangaceiro Jararaca.
Desde 01 de janeiro de 2015, o jornal está exclusivamente na internet. O Mossoroense foi pioneiro também na atuação no mundo digital, há 22 anos, quando a internet ainda engatinhava no Brasil. O site do O Mossoroense foi ao ar no ano de 1995, o primeiro do Rio Grande do Norte a entrar na web, e hoje é acessado por leitores em mais de 50 países.
 Jornal O Mossoroense completa 145 anos de fundação
Museu mantém acervo com todas as edições do O Mossoroense.

Rubens Lemos lança livro de memórias sobre o Machadão


Memórias Póstumas do Estádio Assassinado, craques, jogos e saudades do Machadão é o quatro livro do jornalista Rubens Lemos Filho a ser lançado no dia 9 de novembro às 18 horas em Natal na sede da AABB, na Avenida Hermes da Fonseca, 1017. É um relato sobre os anos dourados do estádio derrubado para que fosse construída a Arena das Dunas na Copa do Mundo de 2014. O trabalho leva o selo da 8 Editora e “a responsabilidade editorial primorosa do jornalista Adriano de Sousa e de Flávia Assaf.”
Inaugurado a 4 de junho de 1972, o Machadão, inicialmente batizado de Presidente Castelo Branco no auge da Ditadura, terminou por prestar justa homenagem ao jornalista João Machado, presidente da Federação de Futebol por 20 anos. Foram 39 anos como principal palco do esporte potiguar, onde pisaram os principais nomes do futebol brasileiro de Pelé a Zico, passando por Rivelino, Ademir da Guia, Tostão, Romário,Reinaldo, Júnior, Adílio, Dirceu Lopes, Samarone, Assis, Washington, Geovani, Bebeto, Sócrates e outros monstros sagrados. Além de ídolos locais como Alberi, Danilo Menezes, Hélcio Jacaré,Souza, Garcia, Hélio Show, Marinho Apolônio,Odilon, Sérgio Alves e Dedé de Dora.
A intenção, segundo o autor, que sempre foi contrário à demolição, é reviver a época áurea do futebol potguar, quando os clássicos enre ABC e América nos anos 1970 levavam até 50 mil pessoas ao estádio, conhecido como “Poema de Concreto”pela sua arquitetura ondulada. “O Machadão foi assassinado covardemente e a Copa do Mundo não rendeu qualquer benefício ao nosso Estado. “
Mas engana-se quem pensa que o livro tratará só de futebol. “É um reencontro com a Natal ainda provinciana, nos anos 1970 e 80, até 90, que é relembrada em suas histórias, suas manhas e bossas, seus crimes famosos, seus personagens, seus pontos pitorescos, seus cinemas, o Ducal Hotel, primeiro arranha-céu e também política, com abordagem sobre todas as eleições do período em que o Machadão esteve de pé”,afirma Rubens Lemos.
LIVRO : MEMÓRIAS PÓSTUMAS DO ESTÁDIO ASSASSINADO
PÁGINAS: 472
DATA: 09/11/2017 – 18 horas
LOCAL: AABB NATAL, AVENIDA HERMES DA FONSECA,1017, TIROL.
PREÇO: R$ 70,00

segunda-feira, 16 de outubro de 2017

Seleção da Serra conquista vice-campeonato em Alto do Rodrigues


A seleção da Serra do Mel que vinha fazendo uma boa campanha durante o campeonato no município de Alto Rodrigues, disputou ontem com a seleção de Pendências o título do Campeonato  Regional Luiz Barroso de Oliveira.

Vamos a resenha esportiva com o Amós César

Olá amigos desportistas de Serra do Mel. Ontem À seleção de Serra do Mel jogou a Grande final contra o time  de Pendências e infelizmente perdeu por 2 x 1. Foi uma partida muito confusa onde a seleção da Serra do Mel respeitou muito o time de Pendências e  sofreu um pouco com a marcação. Sofremos o primeiro gol logo aos cinco minutos de jogo e dez minutos depois o segundo gol. O  selecionado de Serra do Mel estava sem brilho e mal organizando, porém, no segundo tempo o time reagiu e após algumas mudanças que o treinador Rogério fez a seleção serrana encurralou o time de Pendências que não foi uma vez se quer ao gol do goleiro Nilson. Mas, infelizmente, a seleção serramelense só conseguiu diminuir o placar com o gol de Marcelo Viana, e ficou mesmo com o vice campeonato.   Dois tempos distintos onde um foi melhor no primeiro tempo e outro no outro, mas venceu quem errou menos. Parabéns a seleção de Serra do Mel e continuaremos na luta pelo futebol amador.

Já confirmando o favoritismo que se comentava entre os boleiros, a equipe do Pendências Futebol Clube (PFC) conquistou o título de bicampeão da segunda edição do Campeonato Regional Luiz Barroso de Oliveira, em partida disputada ontem, 15, no estádio municipal Abelardo Rodrigues, o "Abelardão".

domingo, 15 de outubro de 2017

Parabéns Professor pelo seu Dia


Nesta data especial trazemos a carta abaixo de um aluno, como homenagem e reflexão a este ser tão especial que é o profissional professor.

Desde já a equipe gestora/pedagógica da EEPJA, parabeniza a todos os professores do Brasil, mas em especial aos professores da EEPJA. Que não se perca a esperança e continuaremos firme no sacerdócio da nossa profissão. 

O aluno Rodrigo da Silva Souza, da Escola Estadual Dona Benta, localizada na área rural do município de Presidente Médici, emocionou os professores com a leitura de uma carta escrita por ele.

Na carta, ele destaca “as angústias” vividas pelos professores, especialmente as professoras, que saem de suas casas para se dedicar a passar conhecimento aos alunos.

Leia a carta na íntegra:
  
A jornada dos professores da Escola Dona Benta
Caros professores,
No decorrer do tempo, aprendi que para ser um bom aluno, não significa simplesmente absorver todos os conteúdos que vocês aplicam, o bom aluno é sempre aquele que tem uma forma diferenciada de pensar e de agir positivamente.

Sei que às vezes sou temerário, mas não olhe nossas falhas, pois parte de nosso futuro está em suas mãos.
Outro dia estava analisando a vida de cada professor desta escola. Aqueles que deixaram sua família em outro lugar para compartilhar seus conhecimentos, enfim, foi aí que conclui que devo dar mais valor a vocês, professores, e ao que fazem por nós. E nessa análise me perguntei:

- Como pode ser a vida de um educador?

Foi aí que descobri que parte de vocês não têm vida própria. Algumas professoras não têm tempo para os maridos, outras trocaram o calor de mãe pelo bico da mamadeira e sucessivamente. Com tudo isso, surge um sentimento que se chama angústia. Fazendo com que brotem lágrimas em seus olhos. Nesses momentos vocês se perguntam: até quando isso vai durar?

Acho que não sou um bom aluno, mas já que se dispuseram em deixar parte de suas vidas para nos favorecer de conhecimentos, a única coisa que posso fazer é, em minhas orações, lembrar-me de vocês, e tenho fé que Deus irá dar forças para superarem sua angústias e para continuarem essa longa e árdua jornada de professor.
Então vos rogo: mesmo angustiados, nunca desistam de nos ajudar e, independente da matéria que lecionam, sempre deem o seu melhor.

Mando para cada um de vocês uma caixinha cheia de paz, embrulhada com ternura e, em meus lábios, um sorriso ao dizer FELIZ DIA DOS PROFESSORES!

Ofereço estas palavras a todos os professores, principalmente aos angustiados e desanimados com sua missão, que Deus os abençoe. E nunca se esqueçam: tudo está em suas mãos, principalmente o meu futuro!

Rodrigo da Silva Souza (Aluno do 2° ano do Ensino Médio da Escola Estadual Dona Benta, zona rural de Presidente Médici, Rondônia)

Fonte: CRE-Ji-Paraná


quinta-feira, 12 de outubro de 2017

2ª Rodada da IV Copa de Futsal Talentos da Serra


Ontem, 11, a ACAYU - EEPJA realizou a 2ª rodada da IV Copa de Futsal Talentos da Serra. O primeiro confronto foi entre Juventus x Paysandu e o segundo entre Akatsuki x Paraíba FC. Os dois confrontos tiveram duas goleadas em suas estreias.

Juventus Goleia o Paysandu

JUVENTUS
A equipe do Juventus, atua vice-campeã, comandada por Pedro Cordeiro (Pedão) estreou ontem contra o Paysandu de Matheus Queiroz. O Paysandu abriu o placar com o gol de Matheus Queiroz e logo em seguida Caio Oliveira fez o segundo gol. Mas, a festa do Paysandu não demorou muito, pois o Diego Medeiros balança a rede, diminuindo a diferença, Jefesrson (atual artilheiro) empata a partida e daí para a frente só deu Juventus no confronto. O Paysandu tentou reagir, mas em vão, na sequencia do jogo o time sofreu mais 11 gols e no finalzinho Anal diminui a diferença e os árbitros encerra a partida com o placar final Juventus 13 x 3 Paysandu.

PAYSANDU
Os gols da equipe do Juventus foram 4 de Diego Medeiros, 4 de Jeferson André, 3 de Daniel Ângelo, um de Pedro Paulo e um contra.

Akatsuky Goleia o Paraíba FC

AKATSUKI
A equipe do Akatsuky, alunos/atletas da Vila Rio de Janeiro que tem participado todos os anos da Copa de Futsal Talentos da Serra, no primeiro ano chegou a final, conquistando o vice-campeonato e nos últimos anos  tem chegado sempre as semifinais. A equipe jogou partiu para cima dos paraibanos e goleou os adversários por 10 x1. 

PARAÍBA FC

Os gols da equipe vitoriosa foram 3 de Fagner, 2 de Jackson e um de Richerle, Mailson, Agel, Denilson e Alberto. E o gol da equipe paraibana foi de Thallis Rafael.

Na artilharia quatro atletas já estão na disputa - Diego Medeiros e Jeferson André com 4 gols, cada e ambos da equipe Juventus e Arthur Jonantan da equipe guanabarense com 3 gols e Fagner Dias do Akatsuki com 3 gols. No decorrer do campeonato tudo pode mudar, ou os mesmos continuarem fazendo a mesma média de gols, aguardarmos os próximos resultados.

A arbitragem ficou na responsabilidade de Renan Potiguar e Jeferson Costa e a mesária Edna Moreno.

Na próxima segunda-feria, 16, teremos mais dois jogos - Sport Clube x Rio Grande do Norte e Goodem Boys x Mulekes da Vila

Patrocinador Oficial
Posto MM Soares

Apoiadores
Ligeirinho Distribuidora
New Point
Livraria Independência
Dinâmica Sports
Stamp Camisetas

Realização
ACAYU
EEPJA

Colaboradores Voluntários
Edna Moreno
Jeferson Costa
Renan Potiguar

Mossoró é a nona cidade do País onde mais se matam adolescentes, aponta Unicef


Estudo coordenado pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) aponta que Mossoró é o nono município brasileiro, com mais de 200 mil habitantes, onde mais se matam adolescentes entre 12 e 18 anos.
Conforme a pesquisa, o Índice de Homicídios na Adolescência (IHA) do município foi de 8,82 para cada grupo de mil jovens. O IHA engloba os 300 municípios brasileiros com mais de 100 mil habitantes e se baseia nos dados do ano de 2014 do Sistema de Informação sobre Mortalidade do Ministério da Saúde.
De acordo com o levantamento, o maior índice é o de Serra, no Espírito Santo. O município mais populoso do estado, com pouco mais de 512 mil habitantes, segundo o IBGE, alcançou 12,71 em 2014.
Fortaleza é a capital mais letal para os adolescentes, com IHA de 10,94. Maceió (9,37) e Vitória (7,68) vêm a seguir. Natal aparece na quinta posição do ranking das capitais com 7,10. As capitais onde os adolescentes menos correm o risco de serem mortos são Campo Grande (1,89), Florianópolis (1,73) e Boa Vista (1,40).
Entre os estados, o Rio Grande do Norte ocupa o quinto lugar onde mais se mataram adolescentes. O índice é de 7,40 a cada grupo de mil jovens. Ceará (8,71), Alagoas (8,18) e Espírito Santo (7,79) são os Estados onde mais se matam adolescentes. Na outra ponta, com menos mortos, estão São Paulo (1,57), Roraima (1,40) e Santa Catarina (0,93).
O Nordeste é a que detém o IHA mais alto entre todas, de 6,5 adolescentes assassinados por grupo de mil, nos municípios com mais de 100 mil habitantes. O índice mais baixo entre as regiões é o do Sul, de 2,3. O Sudeste chega a 2,8, seguido pelo Norte, de 3,3, e pelo Centro-Oeste, de 3,9.
O trabalho é uma parceria com o Ministério dos Direitos Humanos do Brasil, o Observatório de Favelas e o Laboratório de Análise da Violência, da Uerj (Universidade do Estado do Rio de Janeiro).

quarta-feira, 11 de outubro de 2017

Sandra Rosado propõe espaços reservados para autores locais em livrarias e bibliotecas


A vereadora Sandra Rosado (PSB) apresentou à Câmara Municipal de Mossoró nesta terça-feira, 10, o Projeto de Lei 4.413/2017, que cria espaços reservados para escritores de Mossoró em livrarias e bibliotecas da cidade.
“O objetivo da nossa proposta é que as livrarias e as bibliotecas no município tenham espaço específico, regulamentado por lei, para que os autores de Mossoró possam expor suas obras para o público”, explica a parlamentar.
Entre as normas do projeto, está a presença dos dizeres “Autores de Mossoró” nas estantes reservadas, e a garantia do direito para escritores residentes em Mossoró há mais de dois anos.
“Outra medida prevista é a que a livraria que possuir catálogo, ou qualquer outro meio de divulgação de venda, faça constar obras de escritores de Mossoró em destaque”, informa Sandra.
O projeto foi lido na sessão ordinária de hoje e encaminhado às comissões técnicas da Câmara Municipal, para ser avaliado antes de receber a votação final, no plenário, em breve.